quinta-feira, novembro 10, 2005

Arrisco-me...

...a gozar com um conterrano meu. Avistei hoje na caixa aberta de um "pick-up" um cartaz escrito a mão (e o efeito deve ter dado muito trabalho) a proclamar a opinião negativa do condutor em relação à administração Bush-Cheney. A maior crítica era do preço da gasolina e ainda acusava o governo de "roubo sem armas" ... a lista continuou, mas não dava para ler tudo aos 120 km/h. Achei irónico a ideia que todo mundo queixa-se (de um ponto de vista ou do outro) do preço de gasolina... ou pagamos demais ou os outros são os criminosos por razão de pagarem menos (que "nós," claro) mas estamos de acordo nisto: o governo tem toda culpa.

Admito que abusei o limite para ter uma espreitadela do ocupante da viatura... Resolveu-se qualquer dúvida. O homem deve ter nascido antes da invenção do automóvel e a sua idade dá-lhe razão... seja qual for a discussão!

2 comentários:

Entre-aspas disse...

E eu que pensava que a atitude recorrente de culpar "o governo", por tudo e por nada era apenas uma característica genética dos portuguese...
;)

Scott disse...

Creio que isto é uma característica comum... se é genética, deve vir de Eva... eh eh

Estás a ver o único que não tem culpa "sou eu".