segunda-feira, maio 02, 2005

infracção

Pois é, sou um rebelde. Intencionalmente cometo uma infracção em relação à política dos que me pagam o salário. Hoje é o meu dia de folga. O problema é que vou estar com uns amigos descrentes... e de certeza vou falar de Deus. Isto é evangelização, uma actividade considerada como uma das minhas funções...

Não consigo separar as coisas. A minha vida profissional e a minha pessoal não se podem dividir em compartamentos. Mas dou-me bem com isto.

2 comentários:

JOINCANTO disse...

...E que grandes males fez a "profissionalização" da vida espiritual...

Ismael disse...

Concordo!
Creio que esta profissionalização é prova de que a fé ainda não faz parte da vida das pessoas.
Questionar-se á o Cristianismo existente hoje?
Ou o que necessitamos é apenas de uma mudança de paradigma?